terça-feira, 16 de outubro de 2012

Notebook e suas marcas!

Marca de Notebook é apenas Etiqueta!

“Marca” de notebook é ilusão. Relevantes só existem três fabricantes (Original Equipment Manufacturer, OEM) de notebooks no mundo, todos na China. Seu notebook “de marca” da Acer, Compaq, Toshiba, Apple, Dell, Asus, Sansung ou Sony foi feito pela Quanta, Compal ou Wistron (marcas de que você nunca ouviu falar) na mesma linha de montagem e pelos mesmos funcionários que produzem os Positivo, CCE e Xing-Ling baratinhos.
Existem linhas de produtos mais caros e mais baratos, mas o controle de qualidade é basicamente o mesmo. A única coisa que muda é a boa-vontade do revendedor final (que cola o adesivo com a marca dele no notebook chineca para satisfazer os compradores “exigentes”) em trocar quando dá defeito, porque problema TODOS dão (como qualquer sistema complexo dá, leia “Normal Accidents”, do Charles Perrow, para entender por quê).
Veja nesse link a diferença entre a taxa projetada de defeito em 3 anos dos notebooks baratos (20.6%) e dos caros (18.1%): não dá 15% a mais de confiabilidade. Então não me parece fazer muito sentido pagar o dobro ou mais por um notebook de marca achando “que dá menos efeito”, uma diferença pequena assim só faz sentido para uma empresa que vai comprar um monte de computadores, pro usuário final, que só compra um, é irrelevante (a Lei dos Grandes Números não se aplica).
Pagar a mais por um bom suporte (como o da Dell) até faz sentido para algumas pessoas, mas eu prefiro comprar um notebook barato mas muito mais poderoso a comprar um fraco de marca só porque *teoricamente* a assistência técnica é melhor (mesmo porque marca não garante assistência técnica decente). Um CCE i7 com 8GB de RAM custa R$ 1500, enquanto um Vaio i3 com 2GB custa R$1900, e são exatamente da mesma linha, só muda o nome, se puser um adesivo em cima da marca ninguém diferencia um do outro (eu fiz esse teste na loja).
Comprar um notebook caro por causa de uma característica específica (hardware de vídeo ou “ser Apple”) eu entendo. Comprar um caro só por medo do barato “dar defeito”, é bobagem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.